Postagens

Mostrando postagens de 2017

Livre

Imagem
Os anjos são livres
Para voar 
Para amar 
E desejar
Ao meu voar sou livre
Para aterrissar
Para odiar
Para esquivar
Trocaria de lugar, mas tenho certeza
Que não conseguiria
Corroborar e sentir
É muito para um mortal
E poco para o angelical
Todos queremos alguma coisa
Mas é possível que nunca teremos
Não deixando que caia em depressão
Sorria porque nunca se sabe se alguém gostará dele

Uma joia

Imagem
Umma joia
Que não significa nada
Aquela tão significativa
Sem valor algum
Aquela que metade foi perdida
Encontrada, mas nunca recuperada
Uma joia
Com um pequeno significado
Que ao ser deixado
Foi grandemente ampliado
Uma joia pequenina em tamanho
Se esconde pelos cantos
Decidida a parecer
Mas nunca definitivamente
Retornada a quem queria pertencer

Pensamento

Imagem
O pensamento surgiu
E em você persistiu
Durou a ir embora
Quando fostes emfim, 
Achado que não pensa nunca mais.
Me vem todas as horas
Ocupo minha cabeça
Porém na mínima distração
Se faz a minha presença
Dói saber que foi assim
Que era pra ser dessa forma
Mas te carregarei em meu coração
Por um longo período 
E não me arrependerei
Só queria esquecer por agora
Pensamento volte outra hora

Lady Gaga - Born This Way

Imagem

Autor desconhecido - Linhas Paralelas

Imagem
Linhas paralelas nos nunca nos tornamos um, 
e também nunca nos tornamos dois. 
Nunca nos encontramos, mas nunca dizemos adeus.


ps. Achei essa frase em um dorama e provavelmente o autor é quem escreveu mais infelizmente não me lembro mais qual foi o dorama para poder indicar.

Ed Sheeran - Photograph

Imagem

Inferno - Dan Brow

Imagem
Começo dizendo que fiz a coisa mais errada do universo que um leitor poderia fazer. Acabei assistindo ao filme. Eu sei, EU sei, burrice! Mas tenho bons motivos, meu pai queria ir ao cinema comigo, pois fazia um tempo que não íamos, e ele escolheu Inferno.
Como o livro já estava na lista dos que eu queria ler, meio que fui obrigada a ler, pois minha curiosidade em saber como era o livro foi maior.
Obviamente me decepcionei, com o filme é claro! Primeiro que Robert London, como nos outro filmes baseados nos livros de Dan Brown, não tem nada a ver com o personagem, sei lá para mim Tom Hanks não é o London do livro e nunca vai ser, kk. Sem contar que os outros personagens da trama não eram tão fieis as características físicas básicas como a cor do cabelo. U.U (não consigo mais ver Sienna Brooks com seu cabelo da história, sempre acabava vendo a do filme :v)
Mas vamos lá, foco!
Tenho que dizer Dan Brown para mim é uma leitura pesada, porque mesmo a história sendo incrível e você estar sup…

COMO EU APRENDI A ME AMAR

Imagem
Nátaly, esta que apresento-lhes neste vídeo é uma blogueira negra feminista, que apos um longo processo se descobriu negra e linda e através de seu conhecimento chegou ao youtube e decide falar sobre negritude e assuntos que domina.
 Neste vídeo o foco dela é a caneta, mas trás um assunto hiper sério: amar-se é uma tarefa (realmente tarefa) complicadíssima para crianças e mulheres negras, respectivamente.  O mundo que nos cerca é extremamente penoso pela representatividade que nós falta a nossa vida inteira em constante falas e questionamentos que põem a prova toda autoestima e amor próprio quando esses existem.  
               Viver em um país onde o racismo é velado e qualquer demonstração de empoderamento é posto a prova e subjugado trás uma carga, um fardo, muito penoso que a maioria das crianças não conseguem lidar e carregam essa falta de se amar completamente  a vida toda ou até terem a sorte em seu trajeto de se deparar com pessoas, textos, movimentos que demonstram que amar se…

Estrelas

Imagem
Estrelas são feitas para brilhar
Não importa o que aconteça.
Os olhares descrevem tudo,
Mas as ações falam por si só
Apesar do silêncio ser a chave para quase tudo,
Porém este corrói
E destrói todo o brilho
Que uma estrela deveria ter

Memórias de minhas putas tristes - Gabriel Garcia Márques

Imagem
O narrador desta curta história vem da reflexão de um homem que está preste a fazer 90 anos e na lira do mesmo tem um furtivo ultimo desejo de luxuria ter uma noite com uma jovem virgem.
Na trama nosso personagem demonstra que sempre frequentou esse mundo considerado obscuro, mas extremamente comum na época que se passa a história. Escritor, quando se tornou um jovem maduro e não tinha mais a capacidade de lembrar de todas as mulheres que deitou, rs, fez um caderno, com o passar dos anos o trabalho diminuiu, o dinheiro também e a idade chegou, porém o ato de amar nunca aconteceu. Ao final da trama com os 90 anos completos consegue enfim se surpreender novamente e consigo mesmo.
Apesar desse livro parecer meio chato por ter uma linguagem um pouco antiga, ele acaba te prendendo q quando menos nota, acabou! Quando-o terminei ainda tentei, no e-book, avançar a pagina para ver se não tinha mais, porém pensando depois não era necessário, nem para o personagem, pois um desejo que ele nem sa…

O inverno da fada - Carolina Munhóz

Imagem
O inverno das fadas traz um mundo repleto por magia e a relação entre humanos e seres mágicos. Tendo várias fadas e alguns elfos, o livro mostra a interferência de uma fada, da Conquista, na vida de um jovem humano que ama escrever e acaba totalmente dependente de sua presença para ficar inspirado. A relação de dependência entre o escritor com a fada foi substituída por um amor proibido e prejudicial aos dois, trazendo assim, uma trama que te prende a cada detalhe, te emociona e posso dizer que até faz acreditar no amor puro, visceral e verdadeiro, podendo mexer bastante o emocional, deixando talvez até sem saco para ler qualquer coisa relacionada a romance ou que dedique muito nossa atenção a detalhes.
Resumindo toda essa opera, O inverna das fadas é um livro de fantasia e romance bem construído e que te prende na leitura com todos os detalhes contidos na trama, trazendo um ótimo espetáculo a nossa imaginações.

Passenger | Let Her Go

Imagem

Melancia - Marian Keyes

Imagem
Esse livro é peculiar, pelo menos para mim, como o nome dele é Melancia e essa fruta é a que eu mais gosto, o julguei pelo titulo, não exatamente julguei, mas usei o nome da fruta que mais amo como justificativa para lê-lo.
Melancia trata da história de Claire que acaba de ter um bebê e é deixada pelo seu marido, a única relação que existe a fruta é o estada físico que ela se identifica, que antes de sua filha nascer morava em Londres com seu marido, após o nascimento sozinha volta para casa de seus pais e onde vive duas de suas irmãs.
A partir daí seu processo de aceitação dos últimos acontecimentos é composto por muito drama, mas posso dizer que bem cômico, particularmente dei bastante risadas rs, o processo de superação e aceitação de Claire pode se dizer impressionante e acabou dando ótimos resultados na visão dela.
Então no começo, pode até se dizer que é chato, pois está lendo a narração de Claire sobre sua vida e colocando todo o drama sentido por ela, mas no fim as risadas no…

NU'EST(뉴이스트) - FACE(페이스)

Imagem
Aquela musica que não te deixa parada kkk

A menina que não sabia ler - vol. 2 - John Harding

Imagem
O segundo livro de A menina que  não sabia ler, já vem com uma perspectiva um pouco diferente a narração não eh feita mais por Florence e sim por um suposto médico que vai a um hospício fazer sua residencia.
O que acho mais loco em falar sobre esse segundo livro é não contar detalhes que se descobre durante a leitura, diferente do primeiro esse livro te prende do começo ao fim, e te faz ter altos pensamentos do que pode ser cada personagem ou como funciona tudo dentro dessa Clínica psiquiatria só para mulheres localizada em uma ilha. Ou até mesmo quem é a paciente principal, que não sabe seu próprio nome.
Como o primeiro livro, mas com uma pitada maior, o volume dois é cheio de mistério e não deixa você larga-lo.
Acho que o mais importante em saber sobre esse livro é como ele vai mexer com seu raciocínio lógico, e como o final pode te deixar put@, por não ter todas as suas suspeitas respondidas ou pelo menos uma direção, rs.
Bom boa sorte e leitura!!

A menina que não sabia ler - vol. 1 - John Harding

Imagem
Este livro foi para mim uma surpresa, composta de chatice e susto. Quando peguei o livro para ler ,fui na fé, não sabia nada sobre o livro, nem uma sinopse, só fui kkk.
Ao começar a ler fiquei espantada quanto a capacidade mental da personagem principal, Florence, de aprender. Ela uma menina que vive somente com seu irmão, governanta, cozinheira e um faz tudo em uma mansão custeada pelo seu tio, abandonada e com lugares até interditados ou inutilizados. Seu irmão mais novo tendo idade para aprender a ler recebe um tutor, mas que Florence não pode usufrui, pois foi proibida de ler pelo seu tio.
Porém nas suas rotinas tediosas, descobre a biblioteca e um mundo inteiro, mas que ninguém poderia descobrir que ela achara. Nisso tudo existe histórias bem mau contadas sobre sua mãe, pai e mãe de seu irmão.
Com um final surpreendente e com um gostinho de quero mais, deixa uma pulga atras da orelha no que é a realidade ou sua imaginação.

O amor é uma planta que precisa ser cultivada

Imagem
O amor é uma planta que precisa ser cultivada Primeiro a semente e depois um pouco de água O amor é uma planta que precisa ser cultivada Que adora sol e ser adubada O amor é uma planta que precisa ser cultivada Que quer carinho e ser abraçada O amor é uma planta que precisa ser cultivada Que adora festa quando dá um florada O amor é uma planta que precisa ser cultivada Que murcha quando fica brigada O amor é uma planta que precisa ser cultivada Que faz te rir e dar uma boa gargalhada O amor é uma planta que precisa ser cultivada Que fica desanimada, chateada Quando não é tradada Depois que se vai dificilmente volta atras Depois que se vai dificilmente vai querer mais Depois que se vai...

De novo

Imagem
Quando a gente se encontrar de novo Quero poder dizer Que esta tudo bem que a vida vai bem que o medo não existe que a vida persiste, em dizer Te amo, te desejo, te quero Ao meu lado Sorrindo, cantando, gritando, chorando Mas aqui, sempre aqui Para um abraço, carinho, paixão, compreensão A seguir a caminhada e não Fugir da jornada Conciliar as paradas E desejar continuar E desejar continuar E desejar continuar Até ela acabar.

Rompante

Imagem
Num rompante
Me sinto radiante
A divagar pelas emoções inconstante
Com fúria o bastante
Para dilacera-la e senti-la
Com toda a dor presente
Arquivada em um caixote de escuridão

Entre mortos e feridos

Imagem
Entre mortos e feridos ninguém venceu
Uma porta se abriu e outra fechou
A conquista alcançada e para isso ficaram para traz
O que talvez não deve-se ou não quisesse
Entre mortos e feridos ninguém venceu
Machucados de tudo, para o bem ou mal, aconteceu, e voltar nunca mais
Livre e presos de tudo e a tudo ficara em fim
A história não terminou,
Apenas, o capítulo o qual não se tem certezas de que foi bom.